Doces Sonhos

11:07

                  Uma noite inteira lutando contra o tudo e suas pequenas particularidades, não conseguindo o tão sonhado repouso depois de mais um dia tão corrido e exaustivo. Cobertores e mais cobertores cada vez mais presos a si na esperança de suprir um vazio que não há como ser suprido. Não agora. Como fazer? Não sabe exatamente do que se trata. Talvez seja nada com o que se preocupar demais. Ou talvez a razão tudo demais. Coisas demais a se fazer, pessoas demais a quem dizer e... Pensar demais! No que supostamente se devia estar pensando e também no oposto. Ah, doce descanso... Onde está você? Vira para o outro lado e abraça mais forte o travesseiro! É como se os problemas no mundo fossem embora com isso! Fecha novamente os olhos e pensa de novo no abraço e no cheiro, nas mãos e nos olhares, no tudo e no nada, em lugares, sorrisos, momentos e tempos mais leves onde nem o que é próprio só de si mesma seja tão complicado assim. Não foram embora, amanhã ainda voltarão a tona com todas suas cargas e compromissos. Mas por alguns momentos, isso é tudo que importava para ela. Era só amanhã, pode esperar mais um pouco para consumir todo o tempo e a energia. Devagar os olhos se fecham com leveza e logo tudo isso não tem importância, mesmo que só algumas horas...

You Might Also Like

0 comentários

Instagram

Pinterest